Browsing Category

Vida

Australia, Brisbane, Vida

Como economizar dinheiro na Australia?

16 June, 2015

Aquela pergunta que todos nós pobres mortais nos fazemos todos os dias não é? Eu assim como você também preciso contar as moedas aqui na terra dos Kangaroos para poder ir beber no valley, fazer uma viagem ou até mesmo aquela reserva para voltar a terra de Dilma! Sim meus amigos, a vida aqui não é fácil para ninguém e por isso resolvi colocar alguns tópicos que podem ser úteis na hora de salvar alguns Koala Dollars por aqui!

Home Brand:

WW7337_Lvl1_458x200_0000_Homebrand

Este eu já falei algumas vezes e torno a repetir, os produtos da marca do mercado, ou Home Brand, por aqui são ótimos! E custam quase 70% mais barato do que todas as outras marcas, não me perguntem qual é a mágica, eu realmente não sei, mas aqui em casa só compramos produtos do Coles ou Woolies (Mercados Australianos) desde o papel higiênico, pasta de dente até o franguinho com arroz e feijão no almoço/janta/café da manhã. Nunca tive problemas com eles e podem ser uma ótima pedida para quem quer salvar MUITOS dólares com alimentação aqui, visto que um “meal” não sai por muito menos de $10/$15 por aí!

Promoções em Fast-Foods:

dsc00191

Falando em “meals” (Refeições) muitas redes de fast-food por aqui fazem promoções periódicas que ajudam bastante também, no Subway eles tem o café da manhã por $5 com o lanche de 15cm + suco, no KFC toda terça feira tem 9 peças de frango por $9 (normalmente custa $19), no Macca’s ou Mc Donalds, as vezes colocam os hambúrgueres a $1 no almoço (Comprei tanto hambúrguer que enjoei neste período), o Hungry Jack’s (Burguer King) tem um aplicativo para iPhone e Android que te dá lanches e outras coisas de graça, gratuito para baixar nas stores por ai e muitos outros restaurantes espalhados pela cidade, em Brisbane por exemplo tem o RG no Valley, toda segunda e terça burritos e tacos a $3 e $2 cada! É sensacional!

Usar Bicicletas:

brisbane-cycling

Não conheço nas outras cidades, mas Brisbane possui a maravilhosa City Cicle, com apenas $27 por semestre você anda tranquilamente pela cidade com as bikes espalhadas nas inúmeras estações da cidade, e só é cobrado após 30 minutos de uso, já que os ônibus aqui custam entre $3 e $6 da para dar uma ótima economizada caso você não tenha o Go Card Student. Veja aqui: http://www.citycycle.com.au/

Álcool e Cigarros:

Shop supervisor holds new packaged cigarettes

Aqui é absurdo o preço para fumar e beber, em um país onde o maço de cigarro não custa menos de $15 (Quase R$35) quem fuma pode se ver afundando sem dinheiro por aqui, eu no caso fumante a muitos anos (Não, não me orgulho disso) optei por comprar tabaco, que pode ser uma solução mais vantajosa, um pacote com 25 gramas de tabaco sai em média $20 – $30 e para mim dura quase uma semana!

O Álcool aqui não é diferente, fiz um post falando mais sobre as cervejas daqui (Clique para ver o post), e são realmente caras, um pack pode ser em torno de $28 – $60 com 24 garrafas, enquanto uma garrafa de Whisky, Rum ou Vodka entre $40 e $60, estes são preços de Bottle Shops ok? Aqui não se vende bebida em mercados convencionais, somente em lojas especializadas, os Bottle Shops. Nas baladas e bares os preços são ainda mais altos, onde um litro de cerveja pode custar até $20 dependendo da marca, ou seja se você fuma ou bebe muito comece a considerar diminuir e fazer mais festinhas em casa, sai muito mais barato do que sair pela noite gastando seus dólares na cachaça!

Dividir Apartamento:

share3_729-620x349

Esta é mais uma questão pessoal, no meu caso eu acabo gastando quase %50 da minha renda semanal com aluguel, mas optei por isso e sempre quis um pouco mais de conforto, aqui os aluguéis podem variar de $140 a $250 por SEMANA, dividindo quartos na cidade ou sozinho nos bairros mais afastados, de qualquer forma, existem relações entre morar na cidade, pagar um pouco mais de aluguel e não gastar com ônibus ou morar longe, pagar menos de aluguel e gastar com ônibus, de uma forma ou outra você precisa encontrar o melhor balanço para você, morando na cidade tudo é um pouco mais fácil e prático, enquanto que nos bairros não tem muitas opções mas pode ser mais barato e melhor para economizar.

Guardar dinheiro em espécie:

163162-piggy-bank-lost-money

Vi um amigo meu conseguindo mais de $2.000 guardando moedas e notas perdidas na carteira em um garrafa, em menos de 3 meses ele tinha grana suficiente pra ir viajar para algum país proximo já, achei a idéia sensacional e já fazem alguns meses que tento colocar em prática, comecei a 2 meses e tenho um total de $7.54 até agora! Um feito histórico que preciso inclusive tirar fotos para provar….brincadeiras a parte, se você gosta de economizar assim pode ser uma boa, usa-se muitas moedas por aqui, e ter um cofrinho vai te ajudar também.

Ter contas em bancos diferentes:

big-four-banks

Esta eu testei e aprovo, funciona comigo pelo menos, tenho uma conta corrente no Commonwealth onde uso para tudo e uma só para poupança no NAB, como eu não posso ver o dinheiro fica mais fácil transferir para uma conta e esquecer que ele existe, quando preciso mesmo tenho lá a reserva que ajuda em muitos casos!

E você? Tem alguma dica para salvar alguns dólares por aqui? Conta pra mim aqui nos comentários! Obrigado por acompanhar, cheers mates!

Australia, Brisbane, Vida

Na Australia podemos beber durante o trabalho!

15 June, 2015

Sim, é isso mesmo que você leu no título! E está é a minha reação quando descobri isso também:

859

Mas calma, vou explicar! As leis na Australia com certeza são diferentes das do Brasil, assim como os costumes, e aqui eles tem uma cultura alcoólica muito forte e isto reflete também no trabalho, em alguns empregos pode-se tomar no máximo uma taça de vinho de qualquer tipo, 30ml de qualquer destilado ou um copo/garrafa de cerveja que não ultrapasse 400ml durante o almoço ou break que estiver fazendo durante o trabalho. Ou seja, aquela cervejinha durante o break está liberada! \o/

beermapoaust

O que para nós pode parecer algo extremamente absurdo, para eles é um costume antigo e que muitos deles fazem, tenho percebido isso trabalhando em bares e restaurantes em todo este período que estou aqui e nunca tinha parado para pensar nisto, aliás achava que todos estavam ali bebendo escondido do trabalho ou não trabalhavam mesmo, até que fiz esta pergunta para a minha supervisor Russa que me falou que sim, eles podem beber durante o break e que inclusive se eu quisesse uma cerveja que poderia me servir (Durante meu break) quão maravilhoso é isso?

Mas não pensem que vão chegar e encher a cara hein! O que é visto com bons olhos pode se tornar um pesadelo caso você passe dos limites, e acreditem, eles sabem quando você passou.

Fica ai a dica para você meu querido amigo (a) que gosta de um traguinho durante o dia, converse com seu manager e pergunte sobre essa possibilidade, lembrando que empregos em saude por exemplo nao pode! Se vocês fizerem esta pergunta em seus trabalhos por favor comentem as respostas aqui, estou curioso para saber!!

Obrigado por acompanhar o blog, abraços e beijos do Deoti!

 

Australia, Viagens, Vida

Top 5 Coisas que você precisa fazer para ter um intercâmbio inesquecível

8 May, 2015

1- Uma playlist power

Músicas têm o incrível poder de nos transportar de volta às experiências vividas no passado. Aerosmith até hoje me faz reviver a ansiedade do primeiro intercâmbio, Norah Jones traz à tona o êxtase vivido quando descobri uma praia paradisíaca na Tailândia, Green Day me lembra dos dias tediosos de neve quando eu vendia sorvete em Nova York. Faça uma lista com as suas músicas favoritas do momento e deixe tocar sempre que puder; no futuro todas essas lembranças poderão ser reacessadas apenas com um play.

2- Desconectar-se temporariamente do Brasil

Dê um tempo às notícias de lá, passe um período longe dos seus mais inseparáveis amigos e não se preocupe em acompanhar tudinho que rola nas conversas do Whatsapp. Assim você abre espaço para o novo. A ideia não é isolar-se de vez do resto do mundo – até porque, ainda bem, isso é impossível hoje em dia; apenas dedicar mais atenção à realidade local e às novas pessoas que entrarão na sua vida.

3- Enviar cartões-postais

Em tempos de mensagens escritas, faladas, filmadas e cantadas, todas instantâneas e gratuitas, não surpreende que o envio de cartas tenha entrado em desuso. Justamente por isso que é tão bacana quando, em meio a tantas contas pra pagar, encontramos um postal vindo lá de algum canto distante do planeta. É como se fosse uma souvenir, só que escrita à mão, com o nosso endereço, uma mensagem bonita e… muito fofo né? Além disso, é baratinho, rápido de escrever e você pode roubar de volta dos seus pais quando voltar. Quem sabe um dia eu também…

4 – Assumir quem você genuinamente é

Pode parecer um conselho óbvio, mas quantas vezes a gente toma decisões baseadas nas expectativas de pais, amigos, vizinhos, professores e sabe-lá-Deus-de-quem-mais? Talvez não nos demos conta, mas a influência do mundo externo está muito mais presente na gente do que você imagina. Aproveite a oportunidade de estar sozinho no mundo para fazer aquele corte de cabelo que sempre quis, vestir aquela camisa descolada que nunca teve coragem, ir ao cinema sem ninguém junto, desenvolver algum hobby doido ou o que mais der na telha.

5 – Viver uma aventura de verdade

Pegue carona, surfe em algum local remoto ou hospede-se na casa de desconhecidos. Corra perigos (não desmedidos, lógico) e sinta a adrenalina de estar vivo de verdade e aproveitando a vida ao máximo. A sua zona de conforto no Brasil você já deixou prá trás, para uma aventurinha extra você só precisa de um empurrãozinho. Aliás, salto de paraquedas também vale.

Texto feito pela Natalia Godoy que resolveu dar sua contribuição para o blog, veja mais textos como este lá no blog Sua Conterrânea